Translate - Google tradutor!!!

  JOVEM PAN FLORIPA - RÁDIO AO VIVO - BRASIL - MÚSICA É VIDA!

E-SHOP SATELITE+

Pesquise aqui: Blog e Links + Web

Carregando...

terça-feira, 27 de setembro de 2011

CHAVE DiSEqC EM CASCATA

Muitos usuários de Receptor Digital FTA tem dúvidas sobre como usar Chaves DiSEqC em cascata. É muito fácil.
Sempre deve ser usado entre elas em cascata com Protocologos diferentes. Com excessão da DiSEqC 1.0=2.0 que não funciona entre elas em cascata. A DiSEqC 2.0 tem mais informações que a 1.0 - ela informa as posições ao Receptor.


DiSEqC 1.0/2.0 com DiSEqC 1.1 ou 1.2 (vice-versa)


Este Modelo vem com Jump para usar diversos Protocologos 1.0/2.0, 1.1 e 1.2







Sempre que for mexer nas conexões importantissímo deixar o Receptor, Decoder - DESLIGADO DA TOMADA, evitando assim queima da DiSEqC, múito sensível a descargas elétricas e até por estática.


Sempre deve ser usado:


DiSEqC 1.0/2.0 com DiSEqC 1.1 ou 1.2 (vice-versa)


Vou explanar aqui um Modelo de DiSEqC EMP CENTAURI P169 TW Special


DiSEqC com modo exclusívo de operação configurável DiSEqC 1.0 / 1.1 / 1.2 com 4in/1out switch para até 4 posições de satélite e um Receptor FTA.





Ele é projetado para alternar entre 3 ou 4 LNBs. Esta opção é controlada a partir de um receptor com "posição" e "Option" comandos.
- Ótima qualidade.


Universal comutador DiSEqC / transcoder


Única opção para muitas finalidades: a mudança LNB comum, "não confirmadas" alternar entre outras opções LNB, alternando entre vários comutadores DiSEqC 1.2, utilizando os comandos.


Vantagens de Profi Class switches


caixa de plástico resistente ao ar livre


Modo de operação configurável DiSEqC 1.0 / 1.1 / 1.2


suporte para Twin / Quad / Octo LNB ("Alto ISO")


proteção contra curto-circuito


gama alargada de temperaturas


4in/1out comutador DiSEqC universal projetado para uso em estratégias de recepção e vários para 1 assinante. Uma das entradas satélite transmite sinais terrestres.


Embora possa ser utilizado como padrão DiSEqC 1.0 switch, é predeterminate características únicas para o uso como "autorizar" comutador DiSEqC 1.1 ou como DiSEqC 1.2 para transcoder DiSEqC 1.0, permitindo ao sistema multiswitch extensão para até 16 Quatro LNBs / quad. Por favor, leia com atenção Manual de Instruções antes da compra e instalação.


 Especificações do S 4/1PCT-W2 (p.169 TW)


Faixa de freqüência Entradas LNB 1, 3, 4 950-2300 MHz


LNB entrada 2 5-2300 MHz


Saída 5-2300 MHz


Controle DiSEqC 1.0, 1.1, 1.2 comandos


A perda de inserção Sáb. 5 dB avg


Terr. 5 dB avg


Sáb. isolamento de insumos 25 min dB


O consumo de energia De receptor 35 mA (18V) + LNB


LNB corrente 400 mA max


Dimensões (w, d, h) 11,2 x 11,2 x 4,8 cm


Faixa de temperatura -30 ~ 70 ° C




Ajustes protocologos nos pinos lateral da DiSEqC:
DIP POSITION


Modo 1


off - off - DiSEqC
1.....2 -- 1.0


Descrição dos modos de operação
Modo 1 (fora SW SW 1 & 2 fora), ver Fig. "Modo 1"
Modo 1 requer receptor de satélite com apoio de DiSEqC 1.0 (ou
superior). Neste modo, o produto
opera como padrão 4in/1out comutador DiSEqC, escolhendo a entrada de acordo
os comandos básicos de
nível DiSEqC 1.0 ("Posição" e "Opção"). Comandos para a polarização e
seleção de banda (analógico e DiSEqC) são retransmitidos para o local desejado
entrada. Até 4 LNBs (simples, duplos, quad, octo) podem ser conectados
para portas de entrada da chave. Em vez de qualquer LNB, a produção de um satélite
(4 polaridades) multiswitches pode ser
conectado e ligado também. Banda terrestre podem ser distribuídos via
"2" da chave.
Neste modo, é recomendável manter SW 3 em "off" e SW 4 em "on"
posição. Se ligar uma cascata
de dispositivos DiSEqC para a porta de entrada da chave, é necessário para permitir
Comandos DiSEqC
a transmissão repetida pela configuração SW 4 para a posição "off". Em instalação
menu do receptor deve ser
entradas individuais do interruptor dirigida simplesmente como "DiSEqC A", "DiSEqC
B "," C DiSEqC "e" DiSEqC D ".


Modo 2


off - on - DiSEqC
1......2 -- 1.1


Modo 2 (fora SW SW 1 e 2 a), ver Fig. "Mode 2"
Modo 2 requer DiSEqC 1.1 receptor de satélite compatível. Neste modo, o produto funciona como
extensão "autorizar" 4in/1out comutador DiSEqC, controlada por comandos DiSEqC 1.1. O DiSEqC
1,0 comandos ("Posição", "Opção", "Band" e "Polarização") e seus equivalentes analógicos são
retransmitido para a entrada desejada. O produto pode alternar LNBs (simples, duplos, quad, octo), 2-way e
4-way DiSEqC 1.0 interruptores ou comutadores diferentes. Banda terrestre pode ser distribuído através da entrada de "2" do
o interruptor.
Neste modo, é recomendável manter SW 3 em "off" e SW 4 em posição "on". Se ligar uma cascata
de dispositivos DiSEqC para a porta de entrada da chave, é necessário permitir que os comandos DiSEqC
a transmissão repetida pela configuração SW 4 para a posição "off". No menu de instalação do receptor, individual
entradas do interruptor deve ser abordada simplesmente como "não confirmada" 1 ", não confirmadas 2", "não confirmadas 3"
e "não confirmadas" 4.
Se apenas LNBs e / ou comutadores analógicos controlados são trocados, essa configuração deverá ser suficiente. Em
caso de outros componentes de comutação DiSEqC controlada (interruptores e comutadores), a sua definição é
ser realizado exatamente como eles são conectados diretamente ao receptor.


Modo 3


on - off - DiSEqC
1.....2 -- 1.0 + 1.1




Modo 3 (SW 1 a SW e 2 fora), ver Fig. "Mode 3"
Neste modo, o dispositivo emula um motor DiSEqC, portanto DiSEqC 1.2 receptor de satélite compatíveis
é necessária. De acordo com o aceite DiSEqC 1.2 comanda o interruptor selecciona uma das entradas e
DiSEqC 1.0 gera comandos de nível, que são transmitidos para os dispositivos conectados, ver Tab. 3.


Motor position/Selected input of the switch/Transmitted command/Motor position/Selected input of the switch/ Transmitted command
1 1 Position A / Option A 9 3 Position A / Option A
2 1 Position B / Option A 10 3 Position B / Option A
3 1 Position C / Option A 11 3 Position C / Option A
4 1 Position D / Option A 12 3 Position D / Option A
5 2 Position A / Option B 13 4 Position A / Option B
6 2 Position B / Option B 14 4 Position B / Option B
7 2 Position C / Option B 15 4 Position C / Option B
8 2 Position D / Option B 16 4 Position D / Option B
Tab 3: Função da chave no modo 3
O produto pode alternar LNBs (simples, duplos, quad, octo), 2-way DiSEqC 1.0 interruptores ou comutadores
com 8 polaridades de entrada. Se os dispositivos de distribuição são utilizados outros (comutadores DiSEqC 4 vias, para multiswitches
mais de dois satélites), o produto deve ser operado no modo 4. Banda terrestre pode ser distribuído
através da entrada de "2" da chave.
Se ligar uma cascata de dispositivos DiSEqC a porta de entrada da chave, é necessário para permitir DiSEqC
comandos repetidos transmissão pela configuração SW 4 para a posição "off", caso contrário posição "on" é suficiente.
Além disso, o SW 3 é recomendado para ser mantido na posição "off". receptor de satélite deve ser configurado em
Modo DiSEqC 1.2: para cada LNB instalados giram oeste ou leste até ao sinal desejado aparecerá, em seguida,
pare imediatamente de rotação e salvar a posição. Se este procedimento falhar, conjunto SW 3 para "on", redefinir o
switch e tente novamente.
Nota: para a pesquisa LNB sucesso recomendamos o uso de transponders de banda baixa (até 11,700 MHz).




Modo 4


on - on - DiSEqC
1.....2 -- 1.2


Modo 4 (SW 1 a SW e 2 a), ver Fig. "Modo 4"
Neste modo, o dispositivo emula um motor DiSEqC, portanto DiSEqC 1.2 receptor de satélite compatíveis
é necessária. De acordo com o aceite DiSEqC 1.2 comanda o interruptor selecciona uma das entradas e
DiSEqC 1.0 gera comandos de nível, que são transmitidos para os dispositivos conectados, ver Tab. 4.


posição do motor/escolhidos entrada da chave / comando Transmissíveis/posição do motor/entrada selecionada da opção/comando Transmissíveis
1 1 Position A / Option A 9 3 Position A / Option A
2 1 Position B / Option A 10 3 Position B / Option A
3 1 Position C / Option A 11 3 Position C / Option A
4 1 Position D / Option A 12 3 Position D / Option A
5 2 Position A / Option B 13 4 Position A / Option B
6 2 Position B / Option B 14 4 Position B / Option B
7 2 Position C / Option B 15 4 Position C / Option B
8 2 Position D / Option B 16 4 Position D / Option B


Tab 4: Função do interruptor no modo 4
Este modo é necessária e melhor usado quando 4-way comutadores DiSEqC e / ou comutadores para
4 satélites a serem trocadas, mas vários tipos de LNB (single, duplos, quad, octo) pode ser ligado como
também. Banda terrestre pode ser novamente distribuída através da entrada de "2" da chave.
Se ligar uma cascata de dispositivos DiSEqC a porta de entrada da chave, é necessário para permitir DiSEqC
comandos repetidos transmissão pela configuração SW 4 para a posição "off", caso contrário posição "on" é suficiente.
Além disso, o SW 3 é recomendado para ser mantido na posição "off". receptor de satélite deve ser configurado em
Modo DiSEqC 1.2: para cada LNB instalados giram oeste ou leste até ao sinal desejado aparecerá, em seguida,
pare imediatamente de rotação e salvar a posição. Se este procedimento falhar, conjunto SW 3 para "on", redefinir o
switch e tente novamente.
Nota: para a pesquisa LNB sucesso recomendamos o uso de transponders de banda baixa (até 11,700 MHz).


Obs. No Manual terá mais informações para Instalação.


DiSEqC - um resumo geral.


Nos últimos anos, a palavra "DiSEqC" é um dos termos mais frequentemente usados na linguagem técnica ou descritiva quando se fala de recepção satélite, nomeadamente de receptores, comutações e posicionamento de antenas. Mas… afinal, o que é o DiSEqC, para que serve e como funciona ?


Revolucionou os sistemas de comutação utilizados nas instalações domésticas, como também do tipo TVRO, de recepção de satélites. Permite substituir com eficácia e maior simplicidade o posicionamento de antenas de recepção satélite, até então por utilização de motores de tipo tradicional alimentados a 36 V. Vamos procurar, de modo simples e pouco complicado, descrever este sistema de comutação e posicionamento que facilitou a instalação e operação das antenas parabólicas a todos os utilizadores.


O que é ? Para que serve ?


O nome DiSEqC ( Digital Satellite Equipment Controller ), o qual em português toma o seguinte significado "Controlador Digital de Equipamento para Satélite", foi um protocolo de comutação desenvolvido em conjunto entre a Eutelsat e a Philips, com a finalidade de possibilitar a comutação entre antenas, utilizando o cabo de transporte de sinal entre o LNBF e o receptor, tirando, por seu turno, partido de algumas das características funcionais existentes já nos receptores e adicionando outras de modo a completar este tipo de protocolo.
Umas das vantagens imediatas deste novo sistema de comutação digital foi a de implementar um sistema de comutação de caráter universal, mais simples e prático que os existentes até então, e, acima de tudo, facilitar não só a instalação dos sistemas empregues para esse fim como, por outro lado, evitar a sempre problemática necessidade de alimentações externas, eliminando a utilização de vários cabos, tanto de transporte de sinal como de energia, entre os diversos elementos das cadeias de recepção, ou seja, entre as diversas caixas de comutação, LNBF ou antenas e os respectivos receptores, aproveitando para todas as tarefas funcionais e de comutação o único cabo que os interliga com o receptor.
O princípio de funcionamento do DiSEqC é bastante simples: atuando o receptor como um controlador, sendo-lhe incluído um circuito adicional, o qual envia os comandos para os comutadores de tipo coaxial, ou então para um LNBF de última geração, que possam entender estes tipos de comando.


Este tipo de comando é efetuado modulando a frequência de 22 kHz existente nos receptores e empregue na comutação entre banda baixa e banda alta nos LNBF's universais, com trens de impulsos, os quais obedecem a um protocolo pré-estabelecido para os equipamentos destinados a esta finalidade, "master" e "slaves", sendo por conseguinte perfeitamente entendidos pelos periféricos a quem são destinados ( comutadores, LNBF's, posicionadores, etc… ).




Os tipos de DiSEqC existentes são:


DiSEqC 1.0 – É a versão básica deste tipo de comutação, sendo unidireccional, o que significa que só permite a emissão a partir do receptor para o comutador do mesmo tipo. Controla um máximo de 4 entradas e uma saída;
DiSEqC 1.1 – Semelhante ao anterior, mas pode controlar até 16 entradas de sinal, por permitir efetuar a comutação com outros comutadores semelhantes;
DiSEqC 1.2 – A principal função desta versão é a possibilidade de mover antenas, por utilização de um motor elaborado especialmente para este protocolo. Por outro lado, pode igualmente, e ao mesmo tempo, à semelhança do DiSEqC 1.1, criar outros quatro sinais de controle e seleccionar até 16 outras antenas de recepção;
DiSEqC 2.0 – Versão semelhante à 1.0, mas, por sua vez, além da comutação permite o diálogo nos dois sentidos de modo a poder fornecer os dados relativos à comutação ao operador;
DiSEqC 2.1 – Semelhante ao DiSEqC 1.1, mas com informações de retorno para o operador;
DiSEqC 2.2 – Semelhante ao DiSEqC 1.2, mas igualmente com "feedback" de dados relativos ao posicionamento e comutação;
A possibilidade de informação de retorno é importante, na medida em que se pode a qualquer momento aferir o estado da instalação.


Outros tipos de DiSEqC


Para além dos relatados anteriormente, existem ainda outros tipos de DiSEqC, tais como o Mini DiSEqC e o DiSEqC 2.3:


Mini DiSEqC – É um tipo de DiSEqC simplificado, o qual não sobrecarrega demasiado o receptor, permitindo somente a comutação de duas vias de entrada, A e B, o qual consta de um ou dois tons de nove impulsos do estado lógico 1, numa sequência de cerca de 12,5 m;
DiSEqC 2.3 – Desenvolvido pela Aston, permite, nos equipamentos da marca, a interação entre o receptor e o motor DiSEqC no formato 2.3, o qual proporciona retorno de posição e de outros dados para o receptor.


Importante: Sempre desligar da tomada o seu equipamento para mexer nas conexões.








ABAIXO: DiSEqC 1.0 4x1 em cascata com DiSEqC 1.1 8x1
                               EMP CENTAURI

                          LNBF´s Banda C ou Ku






Esta e outras DiSEqC você encontra no E-Shop Satélite para a venda:

Loja 1 www.eshopsatelite.com.br
Loja 2 www.crispim.meubox.com.br
Loja 3 www.eshopsatelite.meubox.com.br


Obrigado pela visita.

domingo, 25 de setembro de 2011

RECEPTOR DIGITAL HD SATÉLITE + HD TERRESTRE BS-9000

Compatível com transmissão ISDB-T (Padrão TV digital brasileira)
Compatível com DVB-S/S2 via Satélite no Brasil.
Compatível com HDTV-FULL HD
Conexão e gravação via USB 2.0 -
Sempre verifique se o Firmware esteja com a última versão.

IMPORTANTE: Recebe o sinal via Satélite e Tv Digital Terrestre no mesmo equipamento!




- DVB-S + DVB-S2
- Totalmente compatível com ISDB-T
- Totalmente compatível com MPEG-4 H.264/AVC
- Totalmente compatível com MPEG-2 de alta definição e saída de Standard
- Totalmente compatível com MPEG-1 Layer I & II, Dolby Digital Audio
- Entrada de UHF com LOOP para TV
- OSD Multi-idioma
- Capacidade para 1000 canais
- Guia de Programação Eletrônica (EPG)
- Foto de Suporte em gráficos (PIG)
- Busca de Canais Automática ou Manual
- Guia de Segurança de canais
- Instalação Plug and Play com menu facilitado e intuitivo
- Saida de áudio e vídeo digital em HDMI e RCA
- Suporta: 480i, 480p, 720p, 1080i (resolução de vídeo suportada)
- Suporta 4:3 e 16:9
- Suporta EBU TELETEXTO
- DVB ou EBU (legenda e informações na tela quando disponibilizados pelas emissoras)
- Várias funções de edição de canais (Favoritos, Mover, Bloquear, Apagar)
- Suporta HDMI (High Definition Multimedia Interface) - HDMI 1.3
- Upgrade de Software via interface USB 2.0
- Alta sensibilidade, baixa Eb/No para receber TV Digital
- Interface USB 2.0 para PVR e media player
- Gravação digital de programas de televisão FTA para um pen-drive ou um disco rígido portátil e reprodução via USB 2.0
- Totalmente compatível com DVB-S2 FTA padrão digital
- 2000 canais podem ser reservados
- Apoio DISEqC 1.2
- Utilização de satélites programáveis e vários transponder informações
- Plug-and-play sistema de transferência de dados (DSR para DSR)
- Oferece vários tipos de opção, os tipos LNB e NTSC / PAL tipo de monitor
- Multi LNB controlados por DiSEqC 1.2 e 22 KHz
- Automático PAL / NTSC

(manual de instruções: http://www.bedinsat.com.br/download.php?id=18)

Atenção: O E-Shop Satélite não fornece muito menos incentiva o uso de software piratas. O uso de softwares vindo de terceiro anula qualquer tipo de garantia dada aos produtos vendido aqui. Vendo Receptores para fins FTA. Obrigado e boa PONTARIA nos Satélites.

Lista de Canais via Satélite visite: http://www.portalbsd.com.br/novo/index.php Veja no Portal

IMPORTANTE: Sempre desligar da tomada o Receptor FTA para mexer nas conexões.

Chave 22Khz




Modelo acima da EMP CENTAURI P.162-IW





Para uso em sistemas de recepção via satélite.
Usando 22Khz comando: "22 kHz" é controlado por um tom de 22 kHz.
O interruptor inclui conectores de entrada para LNBs ("SAT IN 1", "SAT IN 2") e conector de saída para a saída do Receptor FTA.

Chave Tom ou 22 kHz: comuta 2 LNB[F]'s - preferencialmente da Banda C através de comando de pulsos: 0 kHz desligado satélite "B" e 22 kHz ligado o satélite "A".

Exemplo amplo e geral abaixo neste esquema.
Da Emp-Centauri foi muito bom nos testes.



Chave comutadora para 2 LNBF`s por tom 22khz da Banda C ou Ku com algumas ressalvas abaixo.

A Chave de 22 KHz não serve para ser usada com LNBF Universal em satélites Banda Ku que usem simultaneamente tanto a Banda BAIXA (10.7 ~ 11.70 GHz) como a Banda ALTA (11.7 ~ 12.75 GHz) de freqüências.
Uso:

1 - A chave de Ton 22Khz 2x1: pode ser utilizada em Receptores Anadigi/Digitais para chavear duas antenas configurando-se o tom de 22 KHz no REceptor. Neste caso ela pode chavear duas antenas de banda C ou uma antena de banda C e uma antena de Banda Ku Alta com LNBF Ku Universal.

2 - Na Chave DiSEqC 1.0 4x1 poderá aumetar o número de LNBF`s. Neste caso é possível ligar de uma a quatro Chaves de 22 KHz nas portas de entrada de uma DiSEqC 4x1 permitindo aumentar o número de LNBF`s chaveadas em uma DISEQC de quatro para até oito LNBF`s. Para os LNBFs banda C ligados na entrada (porta 1) OFF ou ligado da chave de 22 KHz (porta 2 ON) é necessário ligar a opção 22 KKz LIGADO no Receptor FTA para o funcionamento correto da Chave.

Os satélites da Banda Ku que operam em uma Banda ALTA (11.7 ~ 12.75 GHz) de freqüências Ku como o HISPASAT, TELSTAR 12 e outros são altamente interessantes de serem operados com LNBF Ku Universal na entrada (porta 2) ON ou ligado da chave de 22 KHz porque o Receptor já envia automaticamente através do cabo coaxial o tom constante de 22 KHz para acionamento do segundo oscilador local (LO) do LNBF fazendo com que a chave comute automaticamente para a entrada (porta 2) ON ou ligado sem a necessidade de fazer nenhuma configuração adicional no Receptor FTA.

IMPORTANTE: Sempre desligar da tomada o seu equipamento para mexer nas conexões.


Visite o E-Shop Satélite.
www.eshopsatelite.com.br
www.crispim.meubox.com.br


Obrigado e volte sempre.

E-Shop Satélite: LNBF TURBINADO

E-Shop Satélite: LNBF TURBINADO: Visite a Loja Virtual E-Shop Satélite: LNBF Turbinado para Satélites da Banda C com polarização Circular R / L (Direita/Esquerda). (LN...

sábado, 24 de setembro de 2011

TAMANHO DA ANTENA - BANDA KU e BANDA C




TAMANHO DA ANTENA - BANDA KU

Veja aqui o Azimute e Elevação:

http://www.portalbsd.com.br/novo/apontamento.php





EIRP - Abreviatura para Effective-Isotropic-Radiated-Power

Effective Isotropic Radiated Power é a potência aparente transmitida em direcção ao receptor, se se assumir que o sinal é radiado igualmente em todas as direcções, como uma onda esférica que emana de um ponto fonte; em outras palavras, é o produto aritmético da potência fornecida para a antena e o seu ganho.
EIRP = G * P = 10(g/10) * P [W]
G: Coeficiente de ganho da antena
g: Ganho da Antena [dBi]
P: Potência [W]
A tabela seguinte contêm valores para a banda Ku. Assume-se que os valores mostrados na tabela têm um LNB universal com imagem de ruído de 0,7 dB:

Relação Tamanho da Antena Banda KU OFFSET:

Intensidade de Campo EIRP Diâmetro da Antena
Intens. - Diâmetro. 64 dBW 22 cm
63 dBW 24 cm
62 dBW 26 cm
61 dBW 28 cm
60 dBW 30 cm
59 dBW 32 cm
58 dBW 34 cm
57 dBW 36 cm
56 dBW 38 cm
55 dBW 40 cm
54 dBW 45 cm
53 dBW 50 cm
52 dBW 50 cm
51 dBW 55 cm
50 dBW 60 cm
49 dBW 60 cm
48 dBW 60 cm

Intensidade de Campo EIRP Diâmetro da Antena
Intens. - Diâmetro.
47 dBW 75 cm
46 dBW 80 cm
45 dBW 90 cm
44 dBW 90 cm
43 dBW 100 cm
42 dBW 110 cm
41 dBW 120 cm
40 dBW 120 cm
39 dBW 135 cm
38 dBW 150 cm
37 dBW 180 cm
36 dBW 240 cm
35 dBW 300 cm
34 dBW 355 cm
33 dBW 400 cm
32 dBW 450 cm


Abaixo Banda C

A tabela seguinte contêm valores para a Banda C. Assume-se que os valores mostrados na tabela têm um LNB com imagem de ruído de 20°K:

Intensidade de Campo EIRP Diâmetro da Antena

42.0 dBW 110 cm
41.5 dBW 120 cm
41.0 dBW 130 cm
40.5 dBW 140 cm
40.0 dBW 150 cm
39.5 dBW 160 cm
39.0 dBW 170 cm
38.5 dBW 180 cm
38.0 dBW 190 cm
37.5 dBW 200 cm
37.0 dBW 210 cm
36.5 dBW 220 cm
36.0 dBW 230 cm
35.5 dBW 240 cm
35.0 dBW 250 cm
34.5 dBW 260 cm

Intensidade de Campo EIRP Diâmetro da Antena
34.0 dBW 270 cm
33.5 dBW 280 cm
33.0 dBW 290 cm
32.5 dBW 300 cm
32.0 dBW 310 cm
31.5 dBW 320 cm
31.0 dBW 330 cm
30.5 dBW 340 cm
30.0 dBW 350 cm
29.5 dBW 360 cm
29.0 dBW 370 cm
28.5 dBW 380 cm
28.0 dBW 390 cm
27.5 dBW 400 cm
27.0 dBW 410 cm
26.5 dBW 420 cm

Fonte: www.satlex.net





Visite a Loja do E-SHOP SATELITE:

Loja  www.eshopsatelite.com.br/



Receptor Digital HD - usando um Receptor Analógico em Loop

Ligando o Receptor Analógico ou Anadigi no Receptor Digital principal. (LOOP)



1 - Configure o LNBF do Receptor Analógico/AnaDigi conforme o Receptor Digital (iguais Monoponto ou Multiponto);

2 - Usando Chave DiSEqC, Chave 22Khz ou outro tipo de Chave Comutadora na posição que passará o sinal do Satélite com os Canais Analógicos na Porta 1 (desligando o Receptor Principal irá passar somente o sinal por esta entrada - Porta 1 da DiSEqC, Chave 22Khz ou outro tipo de Chave Comutadora; sem comando ao desligar);

3 - Caso usar o Receptor AnaDigi, poderá comandar a Chave DiSEqC, caso suporte a mesmas portas do Digital;

4 - Desligue o Receptor Digital via C. Remoto;
      (Ficará em repouso o Receptor que não estará em uso)

5 - Ligue o Receptor Analógico/Anadigi e selecione na TV a entrada via A/V ou RF do Canal 3 ou 4. Agora só desfrutar os Canais via C. Remoto.

6 - É bem simples e após algumas lidas, será moleza.

7 - Importante: Para conectar/desconectar os cabos coaxiais, desligar sempre os Receptores.




Obs: Na saída (OUT LNB) do Receptor Digital, está indo sinal Analógico, Digital DVB-S, DVB-S2 e 3D ao Receptor Escravo.



Abraços


CRISPIM





LIGAÇÃO LOOP USANDO UM RECEPTOR ANALÓGICO/ANAGIDI NO RECEPTOR DIGITAL - PRINCIPAL












Visite a Loja do E-SHOP SATELITE:

Loja  www.eshopsatelite.com.br/

Diplexer Combinador - Satélite e Antena Terrestre

Combinador Satélite e Antena terrestre ( 02 entradas e uma saída)

Entrada por satélite transmite com sinal Terrestre e separa no outro Diplexer.

Entrada antena Local é DC isolada.

Passagem antena Local + 01 LNBF para Receptor FTA Banda C ou Ku.
(Podendo ser da Sky, Via Embratel, Oi, Telefônica..etc)

GERAL E POUCO MUDA AS CARACTERISTICAS EM RELAÇÃO A OUTRO FABRICANTES DA TERRA!




Combinador Diplexer 2in/1out da EMP CENTAURI.
Satélite transmite entrada DC de voltagem, 22 kHz e comandos DiSEqC.
Passagem antena Local + 01 LNBF para Receptor FTA.
Combinador: Os combinadores são dispositivos relativamente simples, usada sempre que é necessário para participar de duas saídas de antenas (geralmente via satélite e terrestres) no cabo coaxial único. combinadores Basic pode lidar com tarefas muito pelo contrário também: os sinais de entrada dividido em dois portos de saída.
Pode ser usado como divisor de freqüência.
Principais características dos combinadores Classe Econômica.
interior da habitação para LNB simples ou quad  C2/1ENP (S + T) -1 (E.105-A)




NESTE EXEMPLO DIVERSAS CONBINAÇÕES: DIPLEXER, EXTENSOR COM SKY/FTA ...!


Quando usar uma Chave DiSEqC com Diplexer embutido nela, usar mais um Diplexer dentro de casa para separar os sinais para a TV e Receptor/Decoder.



O diplexer é uma solução inteligente que permite a utilização de um único cabo coaxial para interligar os sistemas de VHF ou UHF com o sistema de Banda C/Ku (FTA ou Sky).




Abaixo combinações de DiSEqC 1.0 4.0 em cascata com Multiswitch Combinador 5x4 saídas, para Banda C e/ou Ku com Receptores Digitais.







Obs: - Caso tiver interferência do sinal da antena.... desligar da tomada o cabo de alimentação do Receptor FTA ou Decoder onde desce o sinal pelo mesmo cabo.

IMPORTANTE: Sempre desligar da tomada o Receptor FTA para mexer nas conexões.



Visite a Loja do E-SHOP SATELITE:

Loja  www.eshopsatelite.com.br/

Receptor TV Digital Rural HDTV (TVDR-Globo Digital) com GPS da ELSYS









TVDR - TV Digital Rural em alta definição (HD) - Para domicílios rurais possam receber Sinal Digital de TV em HD e vários outros canais digitais via satélite.

Qualidade do sinal é HD, alcançando definição de imagem de até 1080 linhas.

Sistema perfeito em TVs LCD, LED e Plasma, preparadas para Alta Definição com entrada HDMI. Funciona em TVs comuns também e melhor tela plana.


As cidades e os centros urbanos não estão na área de cobertura TVDR. Quer saber se sua cidade já tem TV digital, em UHF:
acesse: http://www.tvdigitalrural.com/qual-a-area-de-cobertura


TV Digital Rural do Brasil:
TVDR – Televisão Digital Rural – é a TV digital para áreas rurais na parabólica. O objetivo do sinal TVDR é cobrir locais onde o sinal digital terrestre, em UHF, não alcança. Somente com o receptor TVDR você pode assistir à TV Globo digital nas áreas rurais.

A imagem da minha TV vai melhorar??
O sinal TVDR recebido pelas antenas parabólicas é melhor: tem som com qualidade de CD e imagem digital sem chuviscos, fantasmas e interferências.

Onde terá cobertura TVDR??
O sinal TVDR cobre toda área rural de todos os estados do Brasil.Clique aqui para ver que regiões estão cobertas pela TV Digital Rural.

Nas cidades, vou receber sinal TVDR na parabólica??
O sinal TVDR é recebido por antenas parabólicas somente nas regiões rurais, que estão fora das áreas de cobertura do sinal terrestre.



As cidades e os centros urbanos não estão na área de cobertura TVDR. Quer saber se sua cidade já tem TV digital, em UHF:

acesse: http://www.tvdigitalrural.com/qual-a-area-de-cobertura







Receptor TV Digital Rural (TVDR-Globo Digital) com GPS e HDMI Elsys
Sua TV Digital Rural em alta definição HD, com este sistema possibilita que domicílios rurais possam receber o Sinal Digital de TV em alta definição e vários outros canais digitais via satélite em sua TV.

A qualidade do sinal é HD, alcançando definição de imagem de até 1080 linhas com áudio perfeito, livre de ruídos,chuvisco e interferências de eletrodomésticos.

Este receptor digital é perfeito para TVs LCD, LED e Plasma que são preparadas para receber o sinal em alta definição com entrada HDMI e também funciona com ótima qualidade em TVs comuns.

Características:
■Módulo localizador via satélite (GLU) para captação do sinal TVDR (TV Digital Rural)
■Acesso a canais GLOBO*, BAND, REDE TV e REDE VIDA em Full HD**
■Saídas: HDMI, Áudio (Estéreo ou Mono) e Vídeo Analógico (Vídeo Composto) coaxial, Áudio Digital Coaxial (SPDIF) e RF
■Busca Automática de Canais
■Aceita LNBF multi e monoponto
■EPG – Guia de Programação Eletrônico (quando disponibilizado pela emissora)
■Lista de Canais Favoritos
■Closed Caption
■Padrão 1080i Full HD
Detalhes:
■Software atualizável
■Menu em Português e Inglês
■Manual em Português
■Bloqueio para classificação indicativa
■Bloqueio de canal
■Reserva de Programas
■Canais de rádio
■Bivolt automático: 100~240V AC 50~60HZ
■Globo HD: Somente nas áreas de cobertura da Televisão Digital Rural (Certifique-se de que em sua região já exista o sinal liberado).
■A transmissão de programação em HD é de responsabilidade exclusiva das emissoras.
■Aconselhamos a utilização de material de qualidade (fios, conectores, antena, LNBF) e profissional qualificado para a instalação, pois isso interfere diretamente na recepção dos canais.
■A recepção também depende da disponibilidade de sinal em sua região.



GUIA RÁPIDO DE INSTALAÇÃO E UTILIZAÇÃO DO GOOGLE EARTH

http://www.elsys.com.br/tvdr/

Valor do Frete:


Cálcule o frete via PAC e Sedex:

Simule abaixo clicando "Adicionar ao Carrinho" e preencher a quantidade de produtos e o CEP de entrega.

Importante: Sempre desligar a alimentação elétrica ao mexer nas conexões dos equipamentos.


Visite a Loja do E-SHOP SATELITE:

Loja  www.eshopsatelite.com.br/


Antena Aquário DTV 3000

A Antena DTV 3000 é especialmente projetada para UHF-VHF-HDTV. Produzida com alta tecnologia e a qualidade, a antena apresenta excelente desempenho. Com design arrojado e sofisticado ela dá um toque de classe ao ambiente.
- DTV-3000 - 0 a 10 km





Pode ser instalada em varandas ou sacadas de casas e apartamentos ou ainda no telhado de residências ou prédios.
- Produto de ótimo qualidade.

Informações importantes sobre a distância p/ instalação das novas antenas do modelo DTV:
Essas antenas captam o sinal das seguintes freqências: VHF / UHF

Veja abaixo a tabela de distâncias médias para que você possa escolher uma antena adequada a sua necessidade:

•DTV-1000 - 0 a 3 km
•DTV-2000 - 0 a 6 km
•DTV-3000 - 0 a 10 km

Outras informações importantes:
•Com transmissões fortes, podemos chegar a 15 / 20 km;
•O uso de cabo de qualidade como RG6 faz muita diferença
Já vem com mastro e cabo coaxial de 20 metros



Especificações:

- Tipo: Antena Externa Digital;
- Freqüência: UHF / VHF;
- Impedância: 75 ohms;
- Conector "F" Fêmea;
- Cabo: 20m;
- Peso 1,510 kg;
- Dimensões: 71,5 x 51 x 8,5 cm;
- "Informações sujeita a alterações sem aviso prévio".


Importante: Sempre desligar a alimentação elétrica ao mexer nas conexões dos equipamentos.

Visite a Loja do E-SHOP SATELITE:


Loja  www.eshopsatelite.com.br/




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...